Archive for the ‘06 A Marca Chamada VOCÊ’ category

A Marca Chamada Você – Reunião 24/06/2010

06/01/2011

O texto trabalhado nesta reunião foi retirado de uma revista de negócio, mas pode também ser usado como ferramenta em nossa vida diária.  Ele  é baseado em um livro chamado “A marca chamada você”, nele o autor começa dizendo que o pensamento convencional fala que em uma situação competitiva você deve copiar o que o outro esta fazendo e tentar melhorar. Agindo desta maneira você não se destacará demais e ainda estará dentro dos padrões estabelecidos pelos outros. Mas para construir sua marca pessoal não devemos seguir o pensamento convencional e devemos começar mudando idéias muito comuns a maioria das pessoas.

Alexandra: Devemos estar  abertos e flexíveis a novas idéias e pensamentos.

 

 

 

Thais: Quebrar as regras nos faz sentir que perdemos a segurança.

 

 

1 ª ILUSÃO: O público se importa com o seu negócio.

REALIDADE: O público não sabe que você existe.

Existem milhares de negócios e produtos buscando nossa atenção no dia a dia, achar que ao abrir seu negócio sem publicidade e divulgação e esperar que faça sucesso é muito narcisista. Apesar de achar que o seu negócio é uma grande idéia, existem varias pessoas pensando o mesmo de seus negócios. Você terá que encontrar uma maneira com que as pessoas se importem com o seu produto/negócio.

Thais: O que trava é o medo, ele é o grande limitador.

Alexandra: Medo também é uma ilusão, nós o criamos.


“Entre sobreviver e viver há um precipício, e poucos encaram o salto.”

Martha Medeiros

2ª ILUSÃO: Você oferece algo diferente e superior às ofertas da concorrência.

REALIDADE: Você oferece basicamente os mesmos produtos (serviços).

COMO FUGIR DESSAS ILUSÕES E MUDAR O JOGO A SEU FAVOR?

As Marcas Pessoais são ferramentas  que se usadas adequadamente nós ajudará a transformar nosso nome e imagem em um produto diferenciado; atrair uma clientela elitizada e lucrativa e manter esses clientes mesmo em tempos difíceis .

O que você faz pode não ser único nem inédito, mas você é!

Já que você é único, o seu foco principal não é o produto ou o serviço e sim você, você vai se aproximar do cliente-alvo e criar uma relação com ele.

AS TRÊS CARACTERÍSTICAS QUE COMPÕES UMA MP SÃO:

1º Sua MP é você: Você deve transmitir ao público-alvo informações sobre quem é você e qual a sua especialidade.  Sua marca representara seus valores, personalidade, qualificações e qualidades. São essas características que são seu diferencial.

2º Uma MP é uma promessa: Ela informa o que os clientes podem esperar de você, eles devem lembrar de você e ter certeza que receberão um produto/serviço de qualidade.

3º Uma MP  é um relacionamento que exerce influência sobre os clientes, tanto os potenciais quanto os de fato:Seus atributos determinarão quanta influência você terá.

Você já tem uma Marca Pessoal, isto é, as pessoas já têm uma percepção sobre você. A realidade é que você criou esta marca sem pensar e agora você vai criar uma imagem publica de maneira consciente e planejada. Dessa maneira você atrairá novas possibilidades e pessoas que pensam como você.

Thaís e Alexandra

 

Thais: Semelhante atrai semelhante!


DICAS:

Você é a sua organização

Thais: O ser humano não é perfeito e não esta bem todos os dias, bem diferente de produtos e serviços, temos sentimentos.

Você deve transmitir a seus funcionários seus valores pessoais, eles devem refletir seus valores.

Organize sua área trabalho de maneira a refletir sua MP

Tudo que você faz no profissional e no pessoal pode afetar sua MP

Thais: Você cria uma marca sustentável, que não é apenas uma tendência e sim algo enraizado.

 

 

 

 

Alexandra: Você precisa acreditar e gostar do que faz para transmitir esse sentimento para o cliente.

 

 

COMPONENTES DA MP

1 – Especialização: Ao se especializar você se diferencia oferecendo poucas coisas com mais qualidade.

2 – Veículos de promoção: Promoção é o caminho que vai te levar até o cliente. Para isso existem muitas ferramentas e métodos. Existem os veículos inclusivos no qual você não controla quem vê a mensagem e atinge um publico maior. Já os veículos exclusivos atingem um publico menor mas você controla melhor quem esta vendo a mensagem.

Inclusivo: Buzz marketing (boca a boca), internet, publicidade externa, publicidade em pontos de venda, publicidade impressa, publicações, rádio, patrocínios, feiras de negócios, etc.

Exclusivo: visitas, mala direta, networking, telemarking, etc.

Deve haver uma sinergia entre os meios de comunicação usado em sua divulgação. Exemplo:  No seminário você distribui folders onde encontra-se seu site, nesse site o cliente deixa o email para receber a newsletter da sua empresa. Através do endereço de email dos seus clientes você pode divulgar mais seus próximos eventos.

3 – Satisfação do cliente: Quando você cumpre com o que prometeu conquista a confiança do cliente.

SEGREDOS:

Possua um sistema de atendimento proativo

Procure saber o que os clientes desejam

Prometa menos e faça mais

Após conquistar sua MP e conseguir manter ela o próximo passo será defendê-la!

Para manter e defender sua MP você deverá alem de supervisionar e melhorar os meios de propaganda manter uma comunicação regular com seus clientes através de emails, cartas e telefonemas. Atualize-se constantemente!

VOCÊ É A SUA MARCA!

Alexandra e Thais


Essa reunião foi realizada no dia 24/06/10 ás 19:30hs no Café do Feirante do Supermercado Confiança.

Estiveram presentes: Alexandra Vaccari,  Thais A. Juliani.

A Marca Chamada Você – Resumo

23/12/2010
Icone - marca registrada

Clique Aqui para fazer download do Artigo

Peter Montoya mostra como o pensamento convencional é “surpreendentemente imbecil e segui-lo é a melhor maneira de “ser jogado para escanteio”. A primeira “dica” do autor em seu livro, deixa isso bem claro! “Dê seu nome para o seu negócio. Não caia na tentação de batizá-lo de Pense Bem Marketing e Design ou qualquer outro que pareça vindo da revista Fortune 500. Vamos fazer um exercício. Anote de 15 a 20 nomes de marcas de luxo… Aí estão elas: Ferragamo, Versace, Dom Perignon, Rolex, Prada, Reidel, Kohler, Lauren, Bang & Olufsen, BMW, Bentley, Yves Saint Laurent, L’Oréal, Cartier, Armani. Agora, observe quantas destas marcas de luxo não têm o nome de alguém? Na minha lista, apenas Rolex e a BMW. Viu? Todas as outras começaram com uma pessoa que abriu uma empresa e desenvolveu uma reputação por sua excelência. Esse é o poder que o seu nome pode ter, se você der suporte a ele com a mensagem certa!”